top of page

Vamos escalar a vida que resta!



Boas festas a todos e todas! ***




Algumas pedras me machucaram,

Outras pedras me atrasaram,

Algumas pedras me desviaram,

Outras pedras até me derrubaram.

Com as minhas pedras eu não fiz poesia, como Drummond, nem construí castelos, como Quintana, nem tão pouco as usarei para escalar sozinho na caminhada da vida (do livro NOOCÍDIO).

Vamos organizar os mutirões revolucionários fazendo poesia, construindo casas coletivas, banir os obstáculos da classe dominante, em busca da igualdade e da felicidade humana.


Boas festas e bom ano novo, com foco, fé na classe e na vida!



Aldo dos Santos - Por uma sociedade comunista deferente!

320 visualizações1 comentário
bottom of page