top of page

Sobre o dia do professor


Elaine Camilo *




O trabalho de professor é muito intenso e estressante. Ter a sua frente 30, 50, 100, alunos por dia para vc mobilizar para a aprendizagem é extenuante. É vc que conduz e ao mesmo tempo tem que entrar no núcleo da efervescência deles.


É como puxar a ponta de um novelo, só que vc não vê se conseguiu desembaraçar ou não. É cair num abismo.


Aprender e ensinar são atividades essencialmente humanas, naturais quase.


É por isso que me afrontam visceralmente essas pressões para realizar atividades burocráticas ou as imposições de conteúdo. Me ofende na minha identidade profissional. Jamais deveríamos aceitar essas tarefas, jamais! Tira toda nossa energia e foco no processo de ensino-aprendizagem. Deveríamos ter ajudantes pra isso, se é que realmente é necessário.


Na atual conjuntura, com o advento do nazi-fascismo à brasileira, somos inimigos públicos NR 1.


Não vou discorrer aqui sobre todos os nossos problemas estruturais, é muita coisa. Porque a escola é o microcosmo da sociedade, está tudo na ponta do precipício.


Elaine Camilo, profa na EE Célio Luiz Negrini, Riacho Grande, SBC

14 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page