Tecnoburocracia, mérito e controle dos educadores


Por:Prof. Chico Gretter*...


Os defensores da meritocracia partem da premissa de todos somos iguais em oportunidade, condições de vida e de trabalho, etc. Se somos “iguais perante a lei”, o fato é que não somos iguais perante a vida!

A questão é que, no neoliberalismo, o mérito também é baseado na eficiência verificável, objetiva, e nos resultados ou produtos da ação de cada indivíduo. Mas que produtos e resultados o neoliberalismo espera? Que critérios seus técnicos utilizam para "medi-los"? Quem pode verificar objetivamente o que um aluno/a aprendeu? Que instrumentos podem "medir" a formação integral de um estudante? Que instrumentos podem medir objetivamente o esforço e a energia gasta de um professor com seus alunos?

Tais questões colocadas este governo neoliberal e privatista não quer discutir com a categoria, pois os técnicos da SEDUC acham que detêm os verdadeiros instrumentos de avaliação baseados na sua visão de educação que impõem a todos de forma autoritária.

Os neoliberais tecnicistas da educação empresarial são mais autoritários do que foram os burocratas da Educação no tempo da ditadura militar. Eles impõem os conteúdos, as disciplinas que atendem seus interesses imediatos, impõe os métodos, a didática, os objetivos tecnicistas e controlam o tempo e a vida dos educadores/as; e nos tratam como escravos, incompetentes e preguiçosos.

A meritocracia deles é o nosso inferno. Destruir a tecnoburocracia empresarial que domina a máquina do Estado na SEDUC é questão de vida ou morte! Destruí-la será o nosso grande mérito.

ENFRENTE companheiros! “Libertas quae sera tamem”!


*Prof. Chico Gretter - mestre em História e Filosofia da Educação – professor de História e Filosofia há 35 anos, Conselheiro Estadual da APEOESP e presidente da APROFFESP. (21/04/2022)




Obs. Reunião de diretores da APROFFESP com o ex-secretário da educação, Renato Nalini, na SEDUC, Praça da República, 02/05/2016. Na cabeceira, o Secretário da Educação; e da esquerda para a direita: diretores José Jesus, Aldo dos Santos, secretária da SEDUC, Secretário Nalini, diretor Chico Gretter e secretárias da SEDUC.

169 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo