Obrigado por me ensinar o essencial da vida!


Por:Prof. Chico Gretter*


Aniversário de uma grande mulher: Dona Antônia Nica, obrigado por me ensinar o essencial da vida!


Hoje, dia 08 de janeiro, minha tia-madrinha-mãe - Dona Antônia/Nica - que me criou e me ensinou o essencial da vida - RESPEITO E JUSTIÇA - estaria completando mais um ano de vida; mas em 1992 ela partiu para outras dimensões da Vida e do Universo. Quando eu, naquela segunda-feira à tarde recebi a notícia de sua morte repentina, peguei meus filhos na escola e companheira de então, levei pra casa, fui pra rodoviária, viajei à noite toda e cheguei à tarde do outro dia em Tacuru, MS, onde meu primo-irmão Abel era prefeito e onde ela morava. Eu cheguei na casa do meu irmão Abel, entrei na sala onde Dona Nica estava sendo velada, eu a vi no caixão enfeitado de flores, rosas e dálias de todas as cores que ela tanto gostava. Depois seu corpo foi para a igreja com missa de corpo presente; em seguida foi levada para o cemitério da cidade. Lá ela foi sepultada, um ano depois acompanhada pelo marido, Sr. Luís Augusto Rodrigues, meu padrinho-tio-pai que também me criou. Antes de ser colocada no túmulo, o caixão foi aberto e ali pude olhar pela última vez para o rosto de minha mãe, Mulher com quem tive os mais profundos diálogos da minha existência durante os anos em que convivi com ela.


Ela queria que eu fosse "padre" e morreu sem entender porque não consegui realizar o seu desejo; mas me respeito quando lhe disse que "minha missão não era ser padre", minha missão era no mundo...Dona Nica, eu menti pra você, pois agora sei que não tenho missão nenhuma...Mas o que me ensinou me inspira, dá forças e me leva a continuar vivendo, mesmo sem ter sentido seu último abraço! Você foi e é a pessoa mais importante de minha vida: obrigado! Seria muito bom de reencontrar em outras dimensões da vida e da morte. (Nesta noite passada eu sonhei com você, coisa rara de acontecer, e estávamos na cozinha de alguma casa fazendo uma refeição cujos pratos não me recordo; mas acho que um deles é aquele que você fazia sempre: bife ao molho de massa de tomate e cebola, com um sabor inconfundível de infinito!)


Tchau, minha segunda e inesquecível mãe!




Prof. Chico Gretter - Presidente da APROFFESP, graduado, licenciado, mestrado em Filosofia e História da Educação, mas principalmente um professor que dedicou 35 anos de sua vida em salas de aulas das escolas públicas e privadas aos milhares de jovens que hoje espero estejam ajudando a construir um Brasil e uma humanidade melhores, com eles/elas.

125 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo