MOÇÃO DE REPÚDIO AO PREFEITO ORLANDO MORANDO POR DECLARAÇÃO MACHISTA!


O Prefeito do Município de São Bernardo do Campo, Sr. Orlando Morando Júnior, fez uma declaração à imprensa sobre a irresponsabilidade de pessoas em aglomerações na cidade, contrariando as recomendações sanitárias de distanciamento social, no caso uma festa com cerca de 150 pessoas na Região do Riacho Grande; afirmou indignado: “Dá uma olhada: tinha de dar um tanque de roupa suja pra essa vaca lavar. Não (era) pra ela estar aqui agora fazendo este tipo de evento, contaminando as pessoas.”.

A pretexto de condenar esse comportamento irresponsável de grupos que teimam desrespeitar as recomendações científicas, o Prefeito expôs na frase todo seu comportamento machista, intolerante e preconceituoso contra as mulheres, expondo uma visão deplorável em relação ao papel da mulher na sociedade. Importante notar que o referido grupo tinha em torno de 150 pessoas, a maioria formada por homens, o Prefeito não fez referências comportamentais, nem a possíveis tarefas para eles realizarem.

Nesse sentido, nosso partido reitera que a sociedade deve seguir impreterivelmente todas as recomendações científicas para enfrentar a pandemia. Nessa perspectiva, cobramos do município, do estado e da união o pagamento de auxílio emergencial necessário para a sobrevivência das pessoas. Por isso, consideramos irresponsáveis todos os que concorrem para a proliferação do vírus, colocando em risco a própria vida, a vida dos seus familiares e de toda sociedade.

Porém, repudiamos qualquer manifestação de quem quer que seja, que expresse posições de intolerância de qualquer natureza, ainda mais que expressem preconceito de gênero. Nesse momento da pandemia em que a violência contra a mulher tem aumentado assustadoramente, levando a um aumento terrível dos índices de feminicídio, expressões que reforcem o machismo estrutural, devem ser combatidas e repudiadas de forma contundente. O PSOL que neste ano viu completar três anos do assassinato da nossa companheira Marielli Franco e do seu motorista Anderson Gomes, sem que os mandantes fossem localizados, considera que estas declarações machistas devem ser prontamente rechaçadas, ainda mais quando feitas por autoridades.


São Bernardo do Campo, 22 de março de 2021.



EXECUTIVA DO PSOL DE SÃO BERNARDO DO CAMPO

78 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Caos...