top of page

Comunidade se mobiliza contra a demolição do Teatro Celso Augusto Daniel.


Aldo dos Santos***


Em ato cultural realizado por lideranças da região em frente ao Teatro Celso Daniel no Três Marias, São Bernardo do Campo, pudemos verifica o estado de abandono da periferia no que diz respeito aos equipamentos públicos e ao sucateamento de um imponente teatro que após incêndio, continua abandonado, e agora, ameaçado com a demolição conforme placa fixada ao lado do referido teatro. Na lógica dos gestores capitalistas, os pobres não precisam de cultura, de emprego, de quadra de futebol e de outras necessidades fundamentais à formação da identidade crítica e transformadora do nosso povo.

Lideranças se revezavam no caminhão de som, algumas falas de representantes de entidades, e abruptamente, um forte temporal com chuvas dificultou a permanência de crianças, adolescentes, moradores e apoiadores que estavam atentos aos discursos, ao mesmo tempo em que assinavam abaixo assinado conforme inteiro teor abaixo.

"Abaixo assinado Teatro Celso augusto Daniel

Nós moradores da região do Alves Dias e Cooperativa somos contrários a desativação definitiva do teatro do CEU, Celso Augusto Daniel.


Vimos por meio deste solicitar que o referido teatro seja reformado e disponibilizado como programação Cultura/educacional para toda comunidade do território Alves Dias/Cooperativa.


O teatro do CEU, Celso Augusto Daniel está fechado desde que ocorreu um incêndio em suas dependências, e desde então, aguardando por reforma.


No período em em que esteve em atividade, atendeu não só os alunos da referido CEU, como também de outras unidades escolares.


Acolheu atividades das entidades do bairro, bem como, programações culturais.


Nosso território é carente de equipamentos públicos que ofertem atividades culturais às crianças, jovens e adultos o quanto é importante a interdisciplinaridade das áreas para a formação integral do sujeito.


O fechamento do teatro agravará ainda mais a escassez de equipamentos públicos no território.

Entendemos que a reforma e abertura do teatro para o público de modo geral, não comprometerá o atendimento educacional, uma vez que as escolas dos território, possuem salas ociosas e que podem abrigar novas matrículas.

Além do que, o teatro poderá ser utilizado pelas escolas com atividades diversas aos estudantes da mesma educação e cultura devem caminhar de mãos dadas para a formação integral do sujeito.


Dessa forma, reivindicam sua reforma urgente e abertura com atividades culturais para toda a comunidade do território Alves Dias/ Cooperativa."


Como parte da luta em defesa da cultura e do teatro em tela, deram informe da existência de uma denúncia no ministério público desde 2019, apresentada pelas lideranças da região, Moacyr e Hilma Nunes, denunciando o estado de abandono e solicitando a recuperação urgente do Teatro do Três Marias.


Cultura não é favor, é direito previsto na Constituição Federal de 1988 conforme artigo 215, onde afirma: O Estado garantirá a todos o pleno exercício dos direitos culturais e acesso às fontes da cultura nacional, e apoiará e incentivará a valorização e a difusão das manifestações culturais.



Entendemos que é urgente a participação dos moradores do entorno para que os espaços existentes se transformem em melhorias efetivas para educadores e educandos, afirmou o "Dr. Sergio Galvão" .



Ao fazer uso da palavra, falei do posicionamento do sindicato dos professores-apeoesp, em defesa permanente da educação e cultura do nosso povo e nos colocamos a disposição para as lutas necessárias em apoio a esta iniciativa da comunidade.


A cultura é uma forma de expressar criticamente a liberdade coletiva, coisa que a classe dominante tenta evitar de todas as formas.


Lutar, resistir e mudar o mundo é preciso!


Aldo dos Santos - Ex-vereador em sbc e Coordenador da subsede da apeoesp/sbc.


182 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page