A TRAGÉDIA DE HOJE


Por:Alberto Souza*


Quando no final dos anos 70 e começo dos anos 80 os diversos setores da sociedade brasileira se juntaram contra a ditadura, no fundamental, todos eles não só estavam contra o regime apenas politicamente, também, com diferenças - é claro- bradavam contra a política econômica vigente.


Hoje, a oposição ao novo governo militar ou militarizado e sua ameaça a uma democracia que tenta sobreviver, tem uma parte, seu campo de centro-direita, que se manifesta contra a escalada neofascista liderada por Bolsonaro, mas que, ao mesmo tempo apoia sua política neoliberal de privatização de patrimônio públicos e de destruição dos direitos do povo, trabalhistas e outros, como redução em gastos com saúde, moradias, educação... Apoia verdadeiro atentados à vida da classe trabalhadora, causando inclusive mais empobrecimento e mesmo fome para quem tem como bem somente a sua força de trabalho.


O que explica porque o setor, a serviço do capital, de oposição ao capitão fascista, diferentemente do que se deu com as Diretas Já, não sobe ao mesmo palanque das forças de esquerdas, progressistas em geral, na luta contra o Genocida. No mesmo palanque não dá para juntarem-se antineoliberais, contrários a um projeto econômico que destrói vidas do nosso povo com opositores pela metade, unidos a quem privatiza a Petrobrás, Eletrobras, Correios e outras outras estatais(obras do sangue da nossa gente), e tira do Estado um mínimo de obrigação com políticas sociais para o socorro a tantos brasileiros e brasileiras que se empobrecem cada vez mais.


Com a esquerda e movimentos sociais fora das ruas, devido, em certa medida, à Pandemia, mas também ao seu defensivo, limitando-se às pautas da resistência institucional e midiática ao bolsonarismo e seus crimes, a derrota de Bolsonaro pode acontecer, mas a tragédia que impôs ao povo, praticamente, já é um fato consumado.

Sua reversão depende de grandes lutas populares a ocorrerem, decorrentes de uma unidade entre as esquerdas, que não acontece agora.


Alberto Souza - Ex-vereador em sbc e militante sindical

5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo